Cheque pré-datado

Pela lei, um cheque é pagável quando for apresentado ao banco, mesmo que tenha sido emitido com data posterior. Assim, se um cheque pré-datado for apresentado para pagamento antes do dia previsto, o banco terá de pagá-lo ou devolvê-lo por falta de fundos. Caso isso ocorra, o correntista poderá ser prejudicado.
Cheque pré-datado só deve ser dado quando houver certeza de que o credor irá depositá-lo nas datas combinadas. Lembre-se de controlar esses cheques em seu orçamento, anotando os valores e respectivas datas.

 


O preenchimento correto


No campo data coloque a data combinada para depósito, nunca a data da emissão.

No verso do cheque escreva: "Garantia de dívida vencível em DIA/MES/ANO". Você pode acrescentar ainda dados sobre o credor e da nota fiscal.

Com estes cuidados o cheque pré-datado se torna um documento legal e o consumidor fica garantido pois:

Se o banco permite a entrada do cheque antes da data ele está infringindo a Lei n° 7.492/86.

Se o credor deposita o cheque antes ele faz quebra de contrato, já que o texto no verso transformou o cheque numa nota promissória.

Fabio Lucio

Sobre o autor

Fabio Lucio Professor de Cursos Preparatórios para Concurso Público na disciplina de Informática. Palestrante Motivacional. Professor do Curso de Qualificação Gestão de Pessoas. Blogueiro apaixonado pelo faz... Leia Mais sobre o autor...

3 comentários for "Cheque pré-datado"

  1. Essa informação é muito valiosa, já que muitas pessoas, assim como tem muitas dúvidas na hora de preencher e preé-datar um cheque, por isso prefiro usar cartões, mais simples, rápidos e sem burocracias.

    Abraços

  2. Obrigado pelo comentario!!!

  3. Muito legal !
    Eu confesso que não sabia destes detalhes .
    Obrigado pela contribuição .

    abraço
    Massoterapeuta rj

Leave a reply

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores